Charges Históricas - República Velha (O Nascimento da República)



AGOSTINI. Revista Illustrada, ano 10, n° 415, 28/7/1885

A crise do Império foi resultado das transformações processadas na economia e na sociedade, a partir do século XIX. Atritos com a Igreja, a crescente oposição dos grandes proprietários insatisfeitos com o fim da escravidão, a falta de apoio dos militares – que queriam maior voz nos assuntos políticos da nação – bem como a forte oposição do crescente partido republicano colocou Dom Pedro II em uma posição delicada. O regime monárquico estava acabando, os ventos republicanos já sopravam no horizonte. Em 15 de novembro de 1889 o golpe final foi dado: o marechal Deodoro da Fonseca, à frente de suas tropas, demitiu o primeiro-ministro do governo de D. Pedro II, nomeando um Governo Provisório. Era o começo da República no Brasil.

A imagem acima retrata o descarrilho da monarquia. Repare que a imagem foi publicada anos antes da proclamação da República e faz alusão a uma suposta participação popular (representada pelo indígena e pelos negros) o que não se efetivou.


Tem mais sobre a República Velha! É só continuar lendo!



Os conteúdos dispostos nas postagens são rascunhos, podendo apresentar erros de concordância ou ortografia. Na medida do possível tentar-se-á corrigir as imprecisões, incluir a bibliografia e rever textos e informações imprecisas.

P.S. - Se você curtiu as postagens e o blog foi útil não deixe de clicar em um dos anúncios!


Imago História

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os conteúdos dispostos nas postagens são rascunhos, podendo apresentar erros de concordância ou ortografia. Na medida do possível tentar-se-á corrigir as imprecisões, incluir a bibliografia e rever textos e informações imprecisas.

P.S. - Se você curtiu as postagens e o blog foi útil não deixe de clicar em um dos anúncios!