Urbanização (7 de 7) - Urbanização do Brasil


Em 1940, quando foi feito o primeiro censo no Brasil, a grande maioria da população ainda residia em áreas rurais, sendo que nos centros urbanos estava apenas 30% da população brasileira. Contudo, num curto espaço de tempo, a população brasileira tornar-se-ia predominantemente urbana, chegando a 50% em meados da década de 1960 e alcançando mais de 80% em 2000.

Há de se observar, também, que a industrialização no Brasil se concentrou na região sudeste (especialmente São Paulo e Rio de Janeiro) fazendo com que ocorresse um intenso processo de migração de regiões periféricas para esse grande centro industrial, acelerando o processo de urbanização. Apesar de a região sudeste ocupar apenas 10% do território brasileiro (segunda menor área), essa região concentra quase 80 milhões de habitantes, sendo que mais de 90% vive em cidades.
 

É nessa região que se encontra três das maiores cidades brasileira: São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro.
Fatores responsáveis pela urbanização no Brasil:

  • Extrema concentração fundiária, aspecto histórico, preponderante desde o início da colonização do Brasil.
  • Péssimas condições de vida existentes em diversas regiões rurais, com falta de apoio e perspectiva para os indivíduos.
  • Industrialização do Centro-Sul e integração do país, principalmente com as rodovias, a partir da década de 1950.
  • Novos valores da contemporaneidade, que através da cultura de massas exerce forte influência no campo disseminando o modelo de uma vida urbano-mercadológica.

Particularidades e características da urbanização brasileira:

  • Recente urbanização (em 1872 apenas 6% da população do Brasil vivia em cidades), como de resto, na maioria dos países subdesenvolvidos, em íntima ligação com o processo de industrialização.
  • Absorção da população migrante nas atividades terciárias da economia, ou seja, no setor de prestação de serviços.
  • Metropolização, e mais recentemente crescimento das cidades de médio porte, em especial na região sudeste, onde estão 3 das maiores cidades brasileiras e 50% das cidades com população entre 500 e 1 milhões de habitantes.
  • A urbanização nas diversas regiões:

Sudeste – baseada no desenvolvimento das indústrias.

Centro-Oeste – Fundação de Brasília em 1960 e articulação rodoviária.

Sul – Intensificação na década de 1970 com o processo de mecanização.

Norte – Intensificação da urbanização a partir da década de 90 (crescimento de quase 30%). Nordeste – O baixo rendimento e produtividade agrícola restringiram a mecanização do campo, reduzindo o êxodo rural.


Os conteúdos dispostos nas postagens são rascunhos, podendo apresentar erros de concordância ou ortografia. Na medida do possível tentar-se-á corrigir as imprecisões, incluir a bibliografia e rever textos e informações imprecisas.

P.S. - Se você curtiu as postagens e o blog foi útil não deixe de clicar em um dos anúncios!


Imago História

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os conteúdos dispostos nas postagens são rascunhos, podendo apresentar erros de concordância ou ortografia. Na medida do possível tentar-se-á corrigir as imprecisões, incluir a bibliografia e rever textos e informações imprecisas.

P.S. - Se você curtiu as postagens e o blog foi útil não deixe de clicar em um dos anúncios!